Extorquir

José Horta Manzano

É erro comum e persistente. Fico imaginando qual seria o mecanismo que leva o brasileiro a cair na cilada. Falo do verbo extorquir. Palavra chique, violenta, que impõe temor. Talvez a assustadora frequência de assaltos leve à confusão. O falante diz «fui extorquido», assim como diria «fui assaltado».

Que fique claro: extorquir não é sinônimo de assaltar. Vamos ver por quê.

Extorquir é filhote do verbo latino extorquēre, composto de ex- (=para fora) e torquēre (=torcer). Transmite a ideia de arrancar com violência, de puxar pra fora com astúcia. Portanto, extorque-se algo de alguém.

Com lábia, extorquiu todas as economias da pobre velhinha.

Através de interrogatório vigoroso, a polícia extorquiu a confissão do acusado.

A frase do ex-governador da Paraíba está torta. Naquele contexto, não deveria ter sido usado o verbo extorquir, mas assaltar.

Família
O extorquēre latino está na origem de nosso extorquir, do inglês extort, do espanhol extorsionar, do italiano estorcere e do francês extorquer. Outros descendentes de torquēre são palavras de uso corrente: torcer, torto, contorção, torção, retorção, distorção, torcedor, torcida. E assemelhados.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s